Notícias

21 de maro | 03:34

ABPM toma posse no Conselho de Metalurgia e Mineração da ABIMAQ

A Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa Mineral (ABPM), por meio de seu presidente Luis Azevedo, tomou posse no Conselho de Metalurgia e Mineração da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ), entidade representativa em âmbito nacional das empresas fabricantes de máquinas e equipamentos.

O Conselho de Metalurgia e Mineração da ABIMAQ foi criado em setembro de 2004 com o intuito de desenvolver ações específicas de cunho institucional e mercadológico que possam gerar uma maior integração das empresas associadas da cadeia produtiva de máquinas e equipamentos destinados ao setor mineral e metalúrgico.

A ABIMAQ/SINDIMAQ tem 80 anos de existência, representando cerca de 7,5 mil empresas do setor de máquinas e equipamentos em todo o território nacional com faturamento na ordem de $ 6 bilhões, exportações de US$ 9 bilhões e empregando 300 mil trabalhadores diretos.

O setor sofre, contudo, uma grande ociosidade fruto da ausência de projetos de mineração que outrora representaram 30% e foi reduzido em quase 1/3.

A proximidade da ABPM e ABIMAQ começou no dia 25 de janeiro, quando as associações mostraram ao Ministro de Minas e Energia as dificuldades enormes do setor e de suas associadas.

Na reunião, a ABPM e a ABIMAQ trocaram impressões e opiniões a respeito das perspectivas do setor mineral brasileiro, e foram identificadas sinergias em ambas associações, pois estas experimentam um momento muito peculiar e desanimador.

O setor mineral experimentou, nos últimos 10 anos, uma redução de investimentos pela instabilidade regulatória e mais recentemente este quadro se agravou com os efeitos de Fundão e Brumadinho, onde o setor teme uma ainda maior complexidade, burocracia e morosidade com as autorizações de projetos.

Pelo lado da ABIMAQ, tais circunstâncias geraram queda no consumo de máquinas e equipamentos produzidos pelas associadas da associação, e com os acidentes recentes, esta teme um agravamento ainda maior do quadro de encomendas e pedidos.

O setor de base nos últimos 10 anos reduziu um turno de quase 30% da sua capacidade produtiva, enquanto isso as importações principalmente da China subiram exponencialmente, ou seja menos empregos, impostos e receita para a indústria brasileira.

Foi acertado que as duas entidades deverão explorar uma forma de se ajudarem mutuamente.

A ABPM será apoiada pela ABIMAQ na sua missão de atrair mais empresas, e facilitar desenvolvimento de instalação de projetos.

Por outro lado, a ABPM vai divulgar o trabalho, competência, e a capacidade produtiva  da ABIMAQ e de suas associadas.

Dúvidas ou sugestões
Estamos a disposição, caso tenha alguma dúvida ou sugestão, sinta se a vontade em entrar em contato conosco através dos contatos abaixo:
Fone: (61) 35477645
E-mail: abpm@abpm.net.br / secretaria_exec@abpm.net.br